quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Giro com Willian Corrêa com CIRO GOMES Candidato à presidência em 2018?

O político Ciro Gomes deu um Giro com Willian Corrêa e falou sobre as eleições de 2018, a situação atual do Brasil e sobre a sua carreira dentro da política.


terça-feira, 15 de agosto de 2017

REDES SOCIAIS: Vereadores de Oposição lança Vídeos Mostrando o Descaso com a Saúde Pública em Lavras da Mangabeira

Os vereadores de oposição ao atual governo municipal de Lavras da Mangabeira continuam suas visitas a prédios públicos do município.
Vereadores da Esq. p/ Dir.: Antonio Romeiro - Machado - Tenta Olegário                    Nem Férrer - Flávio Torquato

A ida dos parlamentares mirins a esses prédios públicos são motivadas por denuncias feitas por moradores das localidades.


Depois das visitas aos prédios da Prefeitura (paço municipal) que não tinha se quer café e água, tendo o vereador Flavio Torquato feito a compra de café e açúcar para que fosse feito e servido para as pessoas que passam horas a esperar pelo gestor publico.

A polemica envolvendo o programa do leite fez com que os vereadores fossem ao prédio onde era para estar funcionando fornecendo o leito, lá foi encontrado um aviso informando que não estava funcionando. 

Os vereadores foram ainda ao Posto de Saúde da Várzea da Benta na sede do município. Lá, o caos também é enorme. Segundo o Vereador Nem Ferrer, a internet é paga pelos funcionários que se cotizam para tal.

Os vereadores Flavio Torquato e Tenta Olegário disseram faltar material de limpeza, até mesmo papel higiênico não tem nos banheiros do prédio.

Os vídeos feitos pelos vereadores ganharam as redes sociais com uma enorme quantidade de comentários lamentando o estado de abandono que se encontra a administração municipal lavrense.

Quitaiús, foi alvo de mais um vídeo que está bombando na internet.



O vídeo mostra como se encontra hoje o Posto de Saúde do Distrito.

Posto de Saúde de Quitaiús - Sala da Odontologia Sem Uso





















Posto de Saúde de Quitaiús - Teto Danificado

Posto de Saúde de Quitaiús - Teto com Presença de Abelhas


Governo do Ceará lança Câmara Setorial da Equinocultura

O Governo do Ceará, por meio da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), lança, nesta quarta-feira (16), a Câmara Setorial da Equinocultura do Ceará. A CS Equinos será um órgão consultivo com o objetivo de propor, apoiar e acompanhar projetos e ações tendo em vista o desenvolvimento sustentável do setor em território cearense.

O órgão colegiado contará com mais de 25 entidades e será o 27º instaurado pela Adece, que conta atualmente 23 câmaras setoriais, duas temáticas, além do Fórum Jovem Empresário Ceará. Somente no âmbito da diretoria de Agronegócios, a de equinocultura será a 11ª câmara.

Serviço
Lançamento da CS Equinos
Data: 16.08.2017, quarta-feira
Horário: 09h30min
Local: Auditório da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece) - Av. Dom Luís, 807 / 7º andar Etevaldo Nogueira Business - Meireles

Temer vende cemitério pra se livrar do rombo

"Vou fechar o rombo do Meirelles e vender o Aeroporto de Congonhas! Não vou cair no rombo do Meirelles!

Vou vender a Petrobras, o Exército...Vendo tudo, mas não caio no rombo do Meirelles!" 



Camilo volta a defender chapa Ciro-Haddad durante entrevista ao “Trem Bala”

O governador Camilo Santana (PT) voltou a defender a chapa Ciro Gomes-Fernando Haddad como boa para o País. Foi nesta segunda-feira (14), durante entrevista ao programa Trem Bala, da TV Ceará. Ele foi sabatinado pelo âncora da atração, o jornalista Alan Neto, e seu time de comentaristas no quadro Cadeira Elétrica.
“Eu sugiro que seria simpático uma dobradinha entre Ciro e Haddad. Assino embaixo e, com certeza, seria uma grande chapa para 2018”, disse, na ocasião, o governador. Esta não é a primeira vez que Camilo manifesta esse desejo durante entrevista ao O POVO, em fevereiro deste ano.
Durante o programa, Camilo respondeu também a perguntas feitas por telespectadores sobre os mais diversos temas: esportes, segurança, investimentos em projeto hídricos, política e outros. Também falou da importância do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e destacou o nome de Ciro Gomes.

“Eu acho que o Lula e o Ciro têm que estar juntos. Ciro é um grande brasileiro e o Lula foi um grande presidente para o Brasil. Nesse momento, nós precisamos ter a responsabilidade de nos unirmos pelo bem do Brasil”, avaliou.

Eleições 2018 – Capitão Wagner, pré-candidato ao Governo, pode não abrir mão para Tasso

O deputado estadual Capitão Wagner (PR) reafirmou, nesta terça-feira, que já está como pré-candidato a governador pelo Partido da República. Ele disse que coloca seu nome dentro de um cenário onde há quatro vagas a serem preenchidas em termos de chapa majoritária.
“Nosso nome estará colocado sim como pré-candidato”, reforça o parlamentar, destacando que, no leque das oposições, há outros nomes cogitados como o senador Eunício Oliveira (PMDB), Domingos Filho, conselheiro do extinto TCM, e o senador Tasso Jereissati.
Sobre Tasso, o parlamentar classificou como “um nome de força, pois foi governador três vezes do estado e acumula bem mais experiência do que outros postulantes da oposição.”
Tasso Jereissati (PSDB)
Mas, indagado se abriria mão em favor de Tasso Jereissati, o deputado Capitão Wagner preferiu jogou resposta para o futuro. “Tenho disposição para conversar, dialogar com ele!”. Já Tasso Jereissati, por algumas vezes, tem dito que a hora, em termos de disputa governamental 2018, é de apostar em renovação.
Fonte: Blog do Eliomar

Maia diz que 'hoje' não há votos para aprovar a reforma da Previdência

Na manhã desta terça-feira (15), o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que o governo não possui "hoje" os votos mínimos para aprovar a reforma da Previdência no plenário.

Por se tratar de uma proposta de emenda à Constituição, a reforma precisa de 308 votos dos 513 deputados para ser aprovada.

As mudanças nas regras previdenciárias são uma das principais medidas defendidas pelo governo para tentar conter o rombo nas contas públicas. No entanto, o texto, fortemente criticado pela oposição, encontra resistência até na própria base de Michel Temer.

Maia falou sobre o assunto com jornalistas após reunião com os ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Planejamento, Dyogo Oliveira, além de deputados líderes de bancada na Câmara.

De acordo com Maia, o encontro foi sobre "toda a situação fiscal do estado brasileiro". Ele disse ainda que, no cenário de crise, a única solução definitiva seria a reforma da Previdência.
"A mais estruturante, a mais definitiva, aliás a única [solução] definitiva é a reforma da Previdência, que hoje nós não temos voto para aprová-la, e eu estou deixando bem claro isso entre os líderes", disse Maia.

O presidente da Câmara também afirmou que o trabalho para conseguir os votos necessários vai exigir mais tempo de negociações.
"Para mim, o ideal era que a gente conseguisse aprovar a reforma da Previdência hoje. Mas essa maioria não será construída hoje", afirmou.
Fonte: G1